me digas que não

|01:01| |21:01|

eles dizem que tu não tá nem aí
que passa os dias e tu ri
pensando que eu to aqui
só querendo te ver sorrir

chega a noite fria e quieta
e com ela a solidão
de lembrar que o tempo o passa
e que ele não tem perdão

a mente vibra ouvindo falar
coisas tão terríveis
mas você nunca estará no meu lugar
porque eu tenho perdão
nunca te deixaria na mão

me dizem que tu queres liberdade
mas que vida é essa que tu dizes coisas na maldade?
ainda não tenho olhos atrás
mas tudo bem porque já não quero mais

9423 quilômetros exatos
que fizeram tudo desaparecer
sem uma palavra de você

o que acontece eu não sei
afinal só sei que nada sei
e mesmo assim espero
que nem tudo seja o que eu soube

afinal, não quero acreditar naquela fria noite de julho
onde me dizias que o que eu via era uma ilusão
e que o que poderia vir me deixaria sem chão
por favor
me digas que não

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s